sexta-feira, 17 de junho de 2011

Agora é oficial: estou descompensada

Uma coisa é você sentir, achar e ter uma impressão não é?
Outra coisa é fazer um exame de sangre ultracompleto que aponta
exatamente aquilo que você estava custando em admitir:
você está mesmo descompensada!
Desrugulada. Descontrolada. Fora do ritmo.
As taxas não mentem! São os triglicerídeos e o colesterol
que deram um duplo mortal carpado
e me fizeram sentir ainda mais "animada, feliz, contente e satisfeita".
SEI.
Se de tudo que eu tinha, a única coisa que de alguma forma me satisfazia
era comer, agora nem isso mais posso. Dieta imediatamente!
A vida tem sido tão castradora comigo nesses tempos. Até quando mais viverei cheia de opressões?! - e agora como se não bastassem todas as outras há também as alimentares.
Francamente, emagrecerei. Vai ser demoraaaaaaaaaado como sempre é mas vou conseguir,
como sempre consigo - quando quero.
E vou fazer isso não pra fazer parte do padrão estético "Gisele" -
até porque esse nunca foi o meu.
Mas pra acabar com essas taxas saltitantes e voltar a ter o prazer o quanto
antes de pelo menos comer em paz!
Pocha, que mais falta me acontecer?! Ó vida viu?!
MARI
:(

Um comentário:

Mari disse...

Saudades minha linda!

Vais vencer mais esta, torço por ti!!!


Beijos de outra Mari