sábado, 27 de fevereiro de 2010

Suspensa no ar...


(na foto: painho e mainha em uma das muitas viagens num momento de descontração)

Acordei hoje e me senti assim, com o coração frio
e como se meus pés não tocassem o chão.
Foi como se o mundo parasse e o tempo congelasse por uns segundos.
Tudo isso porque soube que um terrível terremoto que
atinguiu a cidade de Concepción no Chile.
Exatamente e justamente o país em que meus pais estão de férias
comemorando seus 25 anos de casamento.
Nossa que medo, que medo.
Nunca senti tanto medo assim de repente, do nada.
E a falta de notícias só me afligia ainda mais.
8.8 na escala Richter é mmmmmmmmmmmuito grave, um dos maiores da história!
( foi no Chile que aconteceu o maior de todos os tempos de 9.5 na escala Ricther)
Bom, no fim da manhã finalmente consegui ouvi-los no telefone e chorei de emoção.
Só em saber que estão vivinhos, inteiros e juntos,
e que o susto foi o que os afetou mais, já me confortou, me tranquilizou.
Não há realmente previsão de retorno já que está tudo parado e interrompido,
mas estão bem, estão bem.
Era só nisso que eu pensava e repetia inúmeras vezes
quando desliguei o telefone.
Meu Deus, que coisa!
Logo na viagem que deveria ser a mais legal de todas!
"Obrigada Senhor por protege-los.
Guia-os até em casa quando for melhor e mais seguro
e acalma/conforta o meu e o coração de todos aqueles que estão sem notícias,
que perderam seus parentes ou seus lares".
Fiquei suspensa, suspensa no ar.
Enquanto não consegui falar com eles só me lembrava
do nosso último contato via telefone, do que haviam me dito
de como estavam felizes...seria esse nosso último contato?
Graças a Deus, não foi.
Estou aliviadaconfesso, mas só estarei em paz quando estiver
entre meus braços a presença deles outra vez.
MARI
:/

Um comentário:

Nane =) disse...

quei aflita quero eles tb junto de mim o mais rapido possivel...
Glória ao Eterno deus pela vida dos meus tios!

Toda Honra e Toda Glória sejam Dadas a Ti Senhor a todo momento!!!
Amém!!!